A palavra “sustentabilidade” é atualmente utilizada de forma comum por todo o mundo mas frequentemente damos interpretações muito diferentes. Eis o que significa sustentabilidade para a Deichmann:

  • Estamos presentes no mercado desde 1913, sem nunca ter deixado de ser propriedade da família fundadora. A sustentabilidade significa para nós pensar e planear em termos geracionais. Muitos colaboradores estão connosco há décadas.
  • Crescemos na história da empresa de modo consistente e em proporção. Nunca foi necessário despedir colaboradores por falta de trabalho. Em vez disso, criámos novos postos de trabalho todos os anos e demos formação para além do necessário.
  • Oferecemos aos nossos colaboradores um salário acima da média e atrativas regalias sociais adicionais.
  • Crescemos à nossa custa – sem créditos nem ofertas públicas iniciais. Deste modo, mantivemo-nos independentes. Mesmo assim, somos os líderes europeus no mercado retalhista de calçado.
  • Iniciámos a nossa atividade em 1913 em Essen, na “Ruhrgebiet”. Mesmo com atividade em mais de 24 países na atualidade, sentimo-nos ligados a esta região, pelo que estamos a ampliar continuamente as instalações da central da empresa aqui.
  • Ao investir em edifícios administrativos e lojas, apostamos em tecnologias modernas e ecológicas, tais como a energia solar, bombas de calor ou conceitos de iluminação economizadores de energia. E foi assim que o centro de distribuição de Bottrop – com 40.000 m2 de área, atualmente o maior do seu sector – obteve em 2003/2004 o certificado “Ökoprofit” (ganho ecológico) da região de Nordrhein-Westfalen. Numa segunda fase de expansão, foram efetuadas, no ano de 2007, inúmeras ampliações tendo em conta princípios ecológicos.
  • Utilizamos as vias marítimas e férreas para a maior parte dos nossos transportes.
  • Em 2010, incluímos na oferta de algumas marcas de calçado modelos ecológicos especiais – por exemplo, da Elefanten e da Medicus.
  • Torna-se desnecessário referir que implementamos com eficiência as inúmeras especificações ambientais em vigor – mais do que isso, sentimos a obrigação de o fazer.
  • No que respeita aos testes a substâncias nocivas, implementámos os nossos próprios padrões, mais rigorosos, que ultrapassam os regulamentos legais.
  • Sustentabilidade significa também fazer tudo para que amanhã possamos continuar a oferecer aos nossos clientes um bom sapato, a um bom preço.
  • Com uma parte dos nossos lucros, temos vindo a financiar há décadas projetos de solidariedade, aos quais damos grande importância – na Alemanha, Índia, África e Moldávia.